quinta-feira, 30 de junho de 2011

PSD vira guarda-chuva pra quem não vive fora da sombra oficial

Com o título “A incubadora do fisiologismo”, o publicitário e poeta Ricardo Alântara analisa o PSD, legenda que aparce no cenário nacional e local como a salvadora daqueles políticos que não conseguem sobreviver fora da sombra dos governos. Confira:


Político brasileiro tem uma imaginação pródiga. Não bastassem os cento e tantos partidos políticos já existentes e decidiram agora criar mais um para chantagear os governos e abrigar os interesses de seus donatários.

Chama-se PSD. Seu idealizador, se me permitem o termo, foi o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, que nem precisou gastar latim para que seu partido já nascesse grande: ali, quanto menos ideias, mais oportunidades.

Os pessedistas não se definem como um partido governista. De oposição, muito menos. Enfim, não se definem como nada, que é a maneira mais clara de se definir como oportunista – o que, de fato, são, afinal.

É formado, basicamente, por gente que saiu derrotada pela eleição da presidente Dilma Rousseff e, ali, viu esgotadas suas possibilidades de sobreviver sem a maciez dos afagos que só o poder pode oferecer.

Pode ser definido, ainda, como uma incubadora do fisiologismo. Vai para lá quem não tem mais como sobreviver nas últimas fileiras da oposição, mas também não têm cacife para sentar nas poltronas da primeira fila do poder.

E tem mais. Não adianta nada torcer o nariz para o PSD: ele é, de todos os partidos brasileiros, aquele que melhor representa o estado atual de indigência da nossa cultura política – o mais sincero, digamos.


PSD é a sigla que melhor revela a infinita capacidade de adaptação dos profissionais da política – uma turma que fala em nome da causa pública, mas só age em causa própria. O PSD, gente, é a nossa cara!

* Ricardo Alcântara,

Publicitário e poeta.

FORTALEZA LIMPA E BELA.


Cidade se prepara para receber turistas
Fonte: O POVO Online/OPOVO/Fortaleza

A "Operação férias" foi lançada em Fortaleza e tem o objetivo de preparar a cidade para receber os turistas da alta estação. Ontem, o calçadão da Beira-mar começou a ser lavado

30.06.2011| 01:30


Beira Mar é preparada para receber os turistas nas férias (IANA SOARES)
Primeiro a água era jogada no calçadão. Depois, os funcionários da limpeza esfregavam o chão com vassouras. E varredeiras mecânicas terminavam a limpeza. Assim, o calçadão da avenida Beira-mar foi limpo. A atividade faz parte da “Operação Férias”, que prepara a cidade para receber os turistas.

As varredeiras mecânicas foram o centro das atenções. Uma possuía esfregão e terminava a limpeza da calçada. A outra retirava o lixo da areia de praia. “Esse trabalho é feito de madrugada, por isso muita gente desconhece”, afirma João Júlio Sombra, superintendente da Ecofor.

A varredeira da praia funciona da seguinte maneira: uma lâmina entra na areia, leva o material para a peneira e o lixo fica retido. “Por enquanto, ela só trabalha na Praia de Iracema”, informa João Júlio. O mutirão de limpeza do principal cartão postal de Fortaleza acontece de três em três meses, segundo a Ecofor. Além disso, há o trabalho de varredura diária.

Reciclagem



Outro assunto discutido no lançamento foi a reciclagem do lixo. Com a aprovação da lei de resíduos sólidos, aprovada em agosto de 2010, as cidades precisam se preparar para fazer a coleta seletiva. Uma das ações pensadas é trabalhar junto com os catadores, aliando responsabilidade social e ambiental.

Nesse caso, o resíduo coletado em condomínios ou empresas, por exemplo, serão encaminhados para os galpões de reciclagem. Assim, os catadores deixariam de fazer a coleta na rua, puxando as famosas carroças de reciclagem. “Estamos pressionando a Câmara de Vereadores para que seja aprovada a lei de resíduos sólidos proposta pela Prefeitura”, informa Nilda Souza, presidente da Rede Cearense de Catadores.

O secretário do Meio Ambiente de Fortaleza, Deodato Ramalho, ressalta que a população precisa compreender a necessidade de realizar a reciclagem do lixo. Além da parceria com os catadores, Deodato informa que a médio e longo prazo as empresas de coleta de lixo deverão estar adaptadas para fazer a coleta seletiva
domiciliar.

ENTENDA A NOTÍCIA

A “Operação Férias” foi lançada em Fortaleza e tem o objetivo de preparar a cidade para receber os turistas da alta estação. Ontem, o calçadão da Beira-mar começou a ser lavado. A areia da praia de Iracema também foi limpa por varredeiras mecânicas.

Geimison Maia
geimison@opovo.com.br

POR QUÊ AS GRANDES EMPREITEIRAS SÃO CONTRA?

Você é a favor do Regime Diferenciado de Contratações para obras e serviços de eventos como a Copa de 2014?

30.06.2011| 01:30 - O POVO - OPINIÃO


João Alberto Viol - Presidente do Sindicato da Arquitetura e Engenharia (Sinaenco)

EM TERMOS

A aprovação, em primeira instância, da Medida Provisória 527/11, que cria a Secretaria Nacional de Aviação Civil e traz embutido o Regime Diferenciado de Contratações (RDC), destinado a acelerar a realização das obras para a Copa das Confederações, Copa do Mundo de Futebol e Olimpíadas, baseia-se no pressuposto de que a modalidade de contratação integrada – a mesma empresa/consórcio será responsável por desenvolver os projetos básico e executivo (completo) e as obras – é a melhor para o País.

O principal problema da contratação integrada é que ela será definida com base em um anteprojeto, etapa anterior ao projeto básico e que já não é o melhor parâmetro para a contratação pública de obras. Essa opção joga no lixo o conhecimento acumulado da arquitetura e da engenharia brasileira.

Disso podem resultar possíveis vícios (escolha de sistemas construtivos e especificação de materiais pelo menor preço e nem sempre os mais adequados, ensaios preliminares em menor quantidade e abrangência do que o ideal, por exemplo), para garantir maior lucro no contrato, problema que a atual legislação tenta contornar, exigindo que o autor do projeto seja empresa especializada e independente da que executa a obra. E não agilizará o processo porque, para apresentar proposta, a construtora/consórcio precisará realizar estudos e ensaios (topográficos, geotécnicos, etc) e desenvolver projeto básico para ter definição técnica e, principalmente, econômica da obra.

Esse processo não é simples e demanda prazo, que pode superar os 180 dias, eliminando a suposta vantagem da proposta governamental. Ou, pior ainda, forçar as construtoras/consórcios a apresentarem propostas superdimensionadas em seus custos, a fim de garantir o lucro nos contratos, em qualquer condição de obra.

Atribuir à legislação a ineficiência na execução das obras públicas é o mesmo que exigir que os carros movam os bois. O problema central é a falta de planejamento, instrumento que permite contratar no prazo correto os projetos executivos (completos) de arquitetura e engenharia pela melhor solução técnico-econômica, insumos fundamentais para a boa construção, com custo e prazos adequados.

Assim, o erro conceitual que permeia a proposta do governo poderá trazer, se aprovado o regime diferenciado, mais problemas do que soluções.


Nilce Cunha Rodrigues - Procuradora da República e procuradora Regional dos Direitos do Cidadão

NÃO

A Lei 8.666/93 cuida de fornecer critérios para as Licitações e Contratos da Administração Pública, cobrando observância aos princípios constitucionais, notadamente os da legalidade, moralidade, finalidade, impessoalidade, eficiência e economicidade.

A licitação é o instrumento de que dispõe o poder público para coletar, analisar e avaliar criteriosamente as propostas recebidas com o objetivo de, comparativamente, julgá-las e escolher a mais vantajosa. Esse processo se faz imperioso em virtude de se tratar de recursos públicos, daí não caber escolhas pessoais ou arredadas da finalidade para a qual houve a previsão do gasto.

A licitação visa resguardar o interesse geral, preservando-o de malversações e desvios dos recursos públicos. Não obstante o rigor da lei, comumente tem ocorrido no âmbito das administrações públicas inúmeras fraudes em processos licitatórios e, por conseguinte, os recursos, serviços ou bens públicos ficam comprometidos, quer pelo próprio desvio do dinheiro, quer pelo seu mau emprego em obras e serviços de pouca ou nenhuma qualidade.

No artigo 23 a lei prevê cinco modalidades de licitações, sendo a mais rigorosa delas a concorrência, prevendo, em seguida, algumas hipóteses de dispensa, dentre elas destaca-se a de emergência ou calamidade pública.

Em outubro de 2007, o Brasil foi escolhido para sediar a Copa do Mundo de 2014. Precisamente sete anos antes do megaevento o País ficou ciente e consciente da enorme responsabilidade que assumia, não havendo até o momento nenhuma razão que justifique a inércia para dar início ou continuidade às obras para realizar o evento.

Flexibilizar, escamoteando as regras a pretexto de urgência das obras depois de deixar transcorrer todo esse tempo é inaceitável, eis que os fatos falam por si sós e demonstram ser um claro artifício para gerar uma situação de emergência. Ou seja, é um fato artificialmente criado para “legalizar” uma conduta que a lei não chancela.

Diante de tantas fraudes e desvios de recursos públicos, no mais das vezes decorrentes de licitações viciadas cujos prejuízos à sociedade são incalculáveis, é preocupante a ideia de flexibilizar normas legais para “facilitar” contratações bilionárias destinadas à realização das obras da Copa, sobretudo pela certeza de que isto acarretará sobrepreço, põe em risco a qualidade das obras e permite a livre escolha do contratado. As regras da licitação existem fundamentalmente para proteger o patrimônio público, não devendo servir para legitimar condutas desprovidas dos princípios que regem toda administração dos interesses públicos.

Ricardo Leyser - Secretário de Esporte de Alto Rendimento do Ministério do Esporte

SIM

Ao contrário do que alegam aqueles que combatem o Regime Diferenciado de Contratações Públicas (RDC) para obras e serviços dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos Rio 2016 e da Copa do Mundo Fifa 2014, não há que se falar em falta de transparência no modelo em discussão. O dispositivo é claro: “o orçamento previamente estimado será fornecido após o encerramento da licitação”. Ou seja, haverá sim um orçamento estimativo, como existente na lei atual, e este será divulgado às empresas licitantes. E durante o processo competitivo as informações ficarão à disposição dos órgãos de controle e fiscalização a qualquer momento.

Essa é uma estratégia, entre outras previstas no RDC, para obter o equilíbrio de poder dentro do processo licitatório, fortalecendo o lado governamental e afastando as práticas de conluio e fraudes em licitações. O que se pretende é forçar o mercado a se deter no orçamento real, estudar o objeto da contratação, buscar técnicas adequadas, avaliar o cronograma. Esse procedimento visa a estimular a competição e coibir a cartelização, com objetivo de, ao término da licitação, garantir que a administração – e o contribuinte – pague o menor preço pela obra ou serviço contratado.

Divulgar no início do processo o valor estimado, em última análise, equivale ao mesmo que um consumidor interessado em comprar determinado produto ou bem dirigir-se ao vendedor informando qual é a sua disponibilidade de gasto sem antes questionar o preço do produto. É essa a condição na qual o poder público se coloca quando vai fazer uma contratação baseada na lei atual.

A não divulgação do orçamento estimado na fase concorrencial é pratica internacionalmente referenciada como elemento que favorece a competitividade e possibilita redução de custos nas compras governamentais, ao ponto de a Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico recomendar em suas diretrizes que os preços decorrentes de pesquisa de mercado “não devem ser publicados antes e devem ser mantidos confidenciais durante o processo ou depositados em outra autoridade pública”.

As inovações e as boas práticas trazidas pelo RDC provocam um deslocamento de poder nos procedimentos de contratação, deslocamento que incomoda setores poderosos do mercado acostumados com os mecanismos ultrapassados da lei atual e que, diante da modernização e da racionalização dos processos de contratação, temem, acertadamente, não mais manter a administração pública refém de seus interesses.

O RDC não significa flexibilização, significa, na verdade, a redução de ações ilícitas durante os procedimentos de licitação, o que acarretará na diminuição dos custos de obras e serviços e na melhora significativa do desempenho do poder público no cumprimento de suas obrigações perante a sociedade.

quarta-feira, 29 de junho de 2011

QUANTO GANHA O DR. GUTEMBERG? QUANTOS EMPREGOS TEM O DR. GUTEMBERG? ALÔ MINISTÉRIO PÚBLICO!

Justiça determina que União e Senado cortem salários que ultrapassam teto constitucional

POSTADO ÀS 18:16 EM 29 DE Junho DE 2011

Da Agência Brasil

Duas decisões da Justiça Federal no Distrito Federal determinaram que a União e o Senado cortem os salários que ultrapassam o teto permitido pela Constituição, de R$ 26,7 mil. As decisões são resultado de ações movidas pelo Ministério Público, que apontou irregularidades no recebimento de verbas além do teto, como gratificações por cargo de chefia e hora extra. As liminares foram deferidas pelo juiz substituto Alaôr Piacini, da 9ª Vara Federal e ainda cabe recurso.

As ações procuravam remediar irregularidades percebidas pelo Tribunal de Contas da União (TCU) em 2009, que geraram prejuízo de R$ 157 milhões aos cofres públicos. De acordo com o TCU, o valor corresponde a 10,18% do total das despesas com folha de pagamento em todo ano de 2009. No Senado, foi constatado que pelo menos 464 servidores receberam salários superiores ao limite legal. Na administração pública federal, o tribunal encontrou 1.061 casos irregulares.

A Justiça determinou, ainda, a realização de auditoria nas contas da União de janeiro de 2010 a janeiro de 2011. Além disso, o Senado deve informar, em 30 dias, os rendimentos dos funcionários no período de janeiro de 2010 até agora. A União também precisará revisar todos os casos de acumúmulo de cargos e os funcionários que ocupam cargos comissionados devem apresentar declaração de bens ao entrar e sair do governo.

O corte dos salários não atinge benefícios extras previstos em lei, como auxílio-moradia, diárias, auxílio-transporte, benefícios previdenciários e abono de permanência em serviço previsto na Constituição.

Postado por Jessica Souza

BOM DIA CEARÁ: SEMAM CONVOCA EMPRESAS PARA REGULARIZAR SITUAÇÃO DE CONTEINERES NAS RUAS DE FORTALEZA.

video

NUNCA FORTALEZA AVANÇOU TANTO NAS POLÍTICAS PÚBLICAS EM BENEFÍCIO DAS MULHERES.

Mulheres fazem ato pró-Luizianne

Cerca de 600 pessoas foram até o Paço Municipal prestar apoio à prefeita, alvo frequente de críticas

29.06.2011| 01:30

Luizianne saiu de seu gabinete no Paço Municipal e foi receber as participantes do ato. A petista chegou a chorar (EDIMAR SOARES ) Luizianne saiu de seu gabinete no Paço Municipal e foi receber as participantes do ato. A petista chegou a chorar (EDIMAR SOARES )

Em reação às duras críticas que a prefeita de Fortaleza Luizianne Lins (PT) vem recebendo nos últimos meses, a Secretaria de Mulheres do PT realizou, ontem, no Centro, um ato em defesa da gestão da petista. “Mexeu com ela, mexeu comigo”, gritavam, em tom uníssono, cerca de 600 mulheres, que percorreram, durante meia hora, as ruas Floriano Peixoto e Castro e Silva, que ligam a Praça do Ferreira ao Paço Municipal.

Entre as apoiadoras do movimento intitulado Onda Lilás, recebidas com sorriso no rosto pela prefeita, estavam filiadas do PT, funcionárias municipais, além de líderes comunitárias.

Num discurso fervoroso e inflamado, improvisado ali mesmo na calçada do Paço, a prefeita lamentou os “golpes baixos que a oposição vem fazendo” e avisou: “Não vamos abrir nem um dia desse mandato e ainda vamos reeleger esse projeto popular”. Ela disse ter se sentido “vingada” pelas apoiadoras.

Às lágrimas, Luizianne afirmou que o movimento só trará energia para a continuação de sua gestão. “Se eu já tava pilhada, agora ninguém me segura mais”, destacou a prefeita, que, mais uma vez, garantiu que as obras do Hospital da Mulher, promessa de campanha da petista, estarão concluídas até o fim do seu mandato. Ela confessou que as duras críticas, por vezes, fizeram-na pensar em “fraquejar”.

Luizianne criticou, ainda manifestações contra a sua gestão. “Movimento de verdade é o nosso e não uma meia dúzia de patricinhas e mauricinhos que vem aqui para querer destruir nosso governo”, disse a prefeita, ao referir-se ao movimento #ForaLuizianne, organizado pelo empresário Tarsis Rocha, via Facebook, que protestou contra a prefeita no dia do aniversário da Capital.

Reconhecimento

A servidora municipal Lúcia Saraiva e a manipuladora de alimentos Leide Márcia Costa, ambas participantes do ato, admitiam falhas no governo da petista, mas ressaltavam que Luizianne vem “fazendo muito por Fortaleza”. “Cada gestor que passa deixa a sua história, e ela está deixando a dela”, disse Costa.

Enquanto a passeata percorria as ruas do Centro, algumas pessoas que passavam nas calçadas reclamavam da manifestação. “É muita falta mesmo do que fazer”, repetiam.

PREFEITO FERNANDO ASSEF ESCLARECE RELAÇÃO DA DARUMA COM BOA VIAGEM.


Empresas fraudulentas atuaram em 2008



O prefeito de Boa Viagem, Fernando Assef (PSDB), afirmou, ontem, que o contrato que a prefeitura do município realizou com uma das supostas empresas fraudulentas do empresário Raimundo Morais Filho, o Moraisinho, ocorreu no ano de 2008, quando ele ainda não era prefeito da cidade.

“A empresa Daruma foi contrata pelo gestor anterior, que até já faleceu, para realizar um serviço de sistema de água e esgoto, no valor de R$ 17 mil”, destaca o prefeito.

Em pesquisas realizadas no site do Tribunal de Contas dos Municípios do Ceará (TCM-CE), O POVO verificou que o contrato do município com a empresa Daruma Construções e Empreendimentos LTDA foi efetivado nos dias 13 e 26 de março de 2008.

Conforme mostrou a reportagem do O POVO do último sábado, os contratos de 68 prefeituras do Ceará com as empresas fraudulentas ocorreram entre os anos de 2006 e 2010.

(Ranne Almeida)

terça-feira, 28 de junho de 2011

VATICANO ADERE ÀS REDES SOCIAIS. HABEMUS PAPA NA REDE!


Bento XVI envia sua primeira mensagem pelo Twitter
Fonte: O POVO Online/Mais Noticias/Internacional
28.06.2011 18:00
Bento XVI envia sua primeira mensagem pelo Twitter';O papa Bento XVI enviou nesta terça-feira, 28, sua primeira mensagem pelo Twitter, anunciando o lançamento do portal de notícias do Vaticano. O pontífice escreveu: "Queridos amigos, acabei de lançar o News.va. Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo. Com minhas orações e bênçãos. Bento XVI".O portal http://www.news.va/ agrega, pela primeira vez, informações de veículos impressos, online, rádio e televisão do Vaticano e é mais um esforço para levar a mensagem de evangelização a uma audiência maior, acostumada com a Internet.
A iniciativa ocorre após incursões da Santa Sé no Facebook, Twitter e YouTube. Bento XVI colocou ele mesmo a mensagem online usando um iPad, disse Thaddeus Jones, coordenador de projeto e funcionário da Conselho Pontifical de Comunicação Social.O pontífice de 84 anos mostrou o portal e suas características em detalhes. Jones o descreveu como "interessado e impressionado" e disse que o papa "claramente gostou" da experiência. "Ele admira novas tecnologias", disse Jones. "Trata-se de um momento mais leve, mas também importante, que marca uma nova forma de comunicação." As informações são da Associated Press.

segunda-feira, 27 de junho de 2011

O CALÇAMENTO DO JACAMPARI: PARECE QUE HOUVE APENAS UM ERRO NA NOTA FISCAL. A LICITAÇÃO ERA PARA FAZER EM PEDRA TOSCA.

Licitação 0109.1/10-SIRH

Data/Hora de Realização: Data de Emissão do Edital: Modalidade: Tipo: Valor Estimado: Valor Limite:
30/08/2010 às 09:00 30/08/2010 Carta Convite Menor Preço R$ 132.320,00 R$ 0,00

Objeto:
Pavimentacao em pedra tosca para a Avenida Principal -SDO 001 Saida para Aguas Belas no distrito de Guia e ruas S.D.O.-001, S.D.O.-002, S.D.O.-003, S.D.O.-004, S.D.O.-005 e Avenida do Cemiterio no distrito de Jacampari no municipio de Boa Viagem -C E

Gestor:
MICHEL DI PAULA SAMPAIO LIMA

Nome do Objeto Vencedor Valor
PAVIMENTACAO EM PEDRA TOSCA NO DISTRITO DE GUIA E JACAMPARI THM CONSTRUÇÃO, SERVIÇOS E TRANSPORTE LTDA. 128.947,14

O descaso de Boa Viagem

Será que ainda demora chegar às eleições? Não aguento mais tanta incompetência por parte desse nosso "povo" Boaviagense. Vocês foram uma maioria que levou nos braços o outrora inestimável candidato à prefeitura! Inestimável, pois ele era praticamente ovacionado a cada contato, a cada aparição nas ruas a pedir votos (SEU VOTO DE CONFIANÇA).
A fonte inabalável de sorrisos do povo de Boa Viagem não tem mais porquê de existir. Não sei se por vergonha ou por arrependimento... Ela não sorri mais. A cidade hoje está na mesa de cirurgia... Está na UTI da incompetência... Com os dois pés no caixão político. Alguns perguntam o que ainda precisa acontecer a nossa amada Boa Viagem para ela reagir; outros esperam que ela piore para se aproveitarem, como sempre fizeram; para se promoverem mais uma vez.
Uns choram suas palavras, assim como eu; em sites, em casa, nas ruas, nas conversas de esquina e outros nos bares da vida. Eu não aguento mais ver a cidade pegando fogo e tendo que vir gente de fora apagar. Eu não aguento mais ser massa de manobra, em eleições que A MAIORIA SIMPLESMENTE ESQUECE de um passado tão próximo! Eu não quero um prefeito perfeito, que graça teria? Eu não quero um prefeito simpático, que suba em seu sorriso e o faça de palanque. Eu quero uma administração para o povo e com o povo.
Quero que a prefeitura seja na praça, nas ruas, nos bairros, na minha, na sua e em todas as casas! É pedir muito? Certamente. Mas eu, estou fazendo a minha parte; estou votando de acordo um as minhas lembranças que não me fazem esquecer de desmandos que podem durar uma administração inteira.
Eu queria que Deus olhasse pra cá, mas se Ele olhar mais, certamente, iremos queimar com Sua raiva, de ver tanta gente dissimulada numa cidade só, gente que se faz de desentendida para melhor passar, que faz de tudo e se utiliza de todos os meios para contorcer a verdade, criando factóides a seu favor, que brinca com a ignorância política e dependência de muitos para vender idéias retrógradas e com prazo de validade vencido.

Eudson Maia de Queiroz Júnior
Médico Veterinário

A FORÇA E O PRESTÍGIO DO BRASIL.

Ex-ministro José Graziano é eleito novo diretor-geral da FAO

Alessandro Di Meo/EfeLisandra Paraguassu - O Estado de S. Paulo
O ex-ministro do governo Lula José Graziano foi eleito neste domingo, 26, novo diretor-geral da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO, na sigla em inglês). Ele venceu a disputa com o ex-chanceler espanhol Miguel Ángel Moratinos por 92 votos a 88. Alessandro Di Meo/Efe
Graziano vai suceder o senegalês Jacques Diouf
Inicialmente, ainda concorriam Franz Fischler, da Áustria (10 votos), Indroyono Soesilo, da Indonésia (12 votos), Abdul Latif Rashid (6 votos), do Iraque, e Mohammad Saeid Noori Naeini, do Irã (2 votos), que retiraram suas candidaturas antes da fase final.
Graziano vai suceder o senegalês Jacques Diouf, eleito pela primeira vez em 1993 e reeleito três vezes para mandatos de seis anos. Seu longo mandato provocou discussões sobre a necessidade de limitar o tempo de permanência no posto mais alto da FAO, a maior agência da ONU. O ex-ministro vai assumir o cargo no início de 2012 e permanecerá até 31 de julho de 2015. À frente do futuro diretor-geral haverá o desafio de reduzir ou erradicar a fome no mundo, em um momento de alimentos caros que colocam a vida de milhões de pessoas em risco.
O novo líder estará também sob pressão - inclusive do maior contribuinte da FAO, os Estados Unidos - para promover reformas que reduzam a burocracia e os gastos da entidade. "Apenas se completarmos o processo de reforma de uma maneira real e vigorosa vamos eliminar a burocracia na FAO", disse Ertharin Cousin, embaixadora norte-americana para as agências da ONU, em Roma. Há anos os EUA defendem uma reforma na FAO.

BOA VIAGEM TEM ALGUMA COISA A VER COM ISSO?


Cidades pobres, prefeitos ricos

Quem não conhece ou nunca ouviu falar de histórias de gente que entra na vida pública só para se arrumar?

27.06.2011| 01:30

A triste notícia de que mais de um terço de prefeituras do Ceará – entre grandes, médias e pequenas – está atolada em corrupção, conforme vem mostrando uma série de reportagens do O POVO, deixa algumas lições. A principal delas é o reforço do estigma de cidades cearenses cada vez mais paupérrimas, onde falta praticamente tudo em serviços públicos, em contraste com suas elites políticas locais, cada vez mais nababescas. Quem não conhece ou nunca ouviu falar de histórias de gente que entra na vida pública só para se arrumar? Que entra puxando uma cachorra, e de repente passa a desfilar em carrões, adquire coberturas na Capital – onde, inclusive, passa a morar e despachar -, e a usar testas-de-ferro para despistar o patrimônio das autoridades? Esquemas fraudulentos e generalizados em licitações, como o que o Ministério Público do Estado está jogando à luz, ajuda a explicar a trágica distorção.

MUITO DINHEIRO SUJO E CAIXA DOIS

O escândalo da hora também permite algumas leituras políticas. Indo ao ponto. Você, dileto leitor/internauta, tem ideia da fortuna que é torrada em uma disputa política municipal? Ninguém tem. Mesmo naqueles locais miseráveis, perdidos no mapa, é impossível estimar. Nem mesmo por quem disputa o poder nessas localidades. O fato é que correm rios de dinheiro, geralmente com duas características marcantes. Primeira: é grana suja, que entra de forma invisível, na base do velho caixa dois. Segunda: geralmente, é despejada por quem se beneficia dos gestores de plantão. É onde entra a livre atuação das quadrilhas, para os “combinemos” em contratos para obras e prestação de serviços.


A REELEIÇÃO AJUDA A EXPLICAR

Há dois anos e meio, no rastro do resultado eleitoral que definiu o atual mapa de prefeitos no Ceará, veio a observação de que fomos o Estado, em nível de País, com o maior número de gestores reeleitos. Nada menos do que 75% dos prefeitos que disputaram a reeleição conseguiram um segundo mandato consecutivo. O Norte/Nordeste do Brasil, que carrega, historicamente, o estereótipo de corrupção e patrimonialismo na política, detém os maiores índices. Depois do Ceará, vem a Paraíba (74,3%) e Acre (73,3%) com os maiores índices de prefeitos reeleitos. É coincidência? Na política, isso quase não há. Deve haver muitos motivos para um prefeito ser reeleito. Inclusive nobres. Talvez. Mas chama a atenção o empenho e a dinheirama onde isso acontece – que como dito acima, é totalmente incompatível com o tamanho do município.

QUANTO MAIS TEMPO, PIOR

Um levantamento feito por este colunista mostra que nada menos do que 25 das 68 administrações na mira do MP, sob suspeita de roubalheiras, tiveram os prefeitos reeleitos em 2008. Isso, em se tratando do mesmo gestor ou gestora. O número mais do que dobra, quando considerado que o eleito foi apoiado pelo prefeito e/ou grupo anterior. Esquemas dessa profundidade não se instalam em alguns meses de mandato. Um know how tão sofisticado, como o instalado nas entranhas dos municípios, da forma como vem sendo aperfeiçoado, é coisa que vara muito mais do que uma gestão. E o pior dessa relação fraudes/reeleição: um esquema plantado em uma prefeitura para um mandato de quatro anos já é devastador. Imaginemos o tamanho da perversidade quando essa colheita maldita é pensada para o longo de oito anos.


Erivaldo Carvalho - O POVO.


sexta-feira, 24 de junho de 2011

BOA VIAGEM DE NOVO? INVESTIGAÇÃO NÃO SIGNIFICA QUE TEM CULPA, MAS QUE NESSE MATO TEM COELHO, AH! ISSO TEM!



80 prefeituras contrataram empresas fraudulentas
Fonte: O POVO Online/OPOVO/Politica

O esquema que levou à decretação da prisão de dois prefeitos tem raio de ação muito maior. Em 80 municípios, as prefeituras fizeram contratos com a rede de corrupção. Todas serão alvo de investigação, conforme promotor

24.06.2011 01:30

As investigações que resultaram nos mandados de prisão do prefeito de Senador Pompeu e outras 30 pessoas, na última terça-feira, podem surtir efeito dominó em dezenas de municípios. Levantamento feito pelo O POVO com informações do Portal da Transparência, disponibilizadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), identificou que pelo menos 80 das 184 prefeituras do Ceará já contrataram os serviços das empresas envolvidas no esquema do empresário Raimundo Morais Filho, o Moraisinho, que fraudava licitações.

Pelas informações do Portal da Transparência, as prefeituras contrataram os serviços destas empresas de 2006 até 2010. “Não vou dizer que estão no mesmo grau de comprometimento de Senador Pompeu, mas todas elas certamente serão alvo de investigação”, garantiu o promotor Luiz Alcântara, da Procuradoria dos Crimes Contra a Administração Pública (Procap).

Ele prefere não estimar o valor do rombo deixado pelo grupo, afirmando que qualquer estimativa “é temerária”. Em Nova Russas, o prefeito Marcos Alberto Martins Torres (PSC) já foi preso. O prefeito de Senador Pompeu teve prisão preventiva decretada. Segundo Alcântara, as investigações constataram que é o mesmo grupo atuando em vários municípios, com o mesmo “modus operandi” para desviar dinheiro.

Esse é, portanto, só o “pequeno começo”. “Em todos os municípios em que o grupo do Raimundo Morais atuou existe o comprometimento de servidores e agentes políticos com o crime organizado”, disse. Agora, ele garante que o Ministério Público atuará “de forma incansável” para identificar os autores, beneficiários e representará pela prisão preventiva de todos.

Além disso, a Procuradoria buscará ressarcimento de tudo aquilo que foi desviado de todos os municípios.

Ele afirma que, uma vez decretados os mandados de prisão, é fundamental que os acusados sejam presos o mais rápido possível, para que não destruam as provas, para não ameaçarem nem constrangerem testemunhas e não continuem a desviar recursos públicos.

O POVO tentou ontem falar com a prefeita de General Sampaio, Eliene Brasileiro, presidente da Associação dos Municípios e Prefeitos do Estado do Ceará (Aprece) pelo celular. Três ligações foram atendidas, mas a pessoa não dizia nada e depois a ligação caía. Em seguida, o celular foi desligado. O POVO tentou também falar com a prefeita por meio da chefe de gabinete da Prefeitura. Segundo ela, a prefeita estaria na zona rural de General Sampaio e, por isso, incomunicável. Ela orientou que a reportagem enviasse um e-mail à prefeita, mas até o fechamento da matéria, ela não havia respondido. General Sampaio é um dos municípios da lista.

ENTENDA A NOTÍCIA

Muitos prefeitos devem estar preocupados com as investigações do Ministério Público. Pelo menos 80 já contrataram os serviços das empresas envolvidas no esquema do empresário Raimundo Morais Filho.

quinta-feira, 23 de junho de 2011

ESSE TEXTO ME SENSIBILIZA E ME ANIMA A LUTAR SEMPRE. OBRIGADO A QUEM O ESCREVEU!

Dr. Deodato o Sr. é um homem muito decente. Mesmo sabendo que o 70 não vai lhe apoiar politicamente. Mesmo sabendo que o vice não vale nada é igual o prefeito, mas você não cala diante de tanta roubalheira. Assim mesmo... Muitas vezes as pessoas são egocêntricas, ilógicas e insensatas. Perdoe-as assim mesmo. Se você é vencedor, terá alguns falsos amigos e alguns inimigos verdadeiros. Vença assim mesmo. Se você é honesto e franco, as pessoas podem enganá-lo. Seja honesto e franco assim mesmo. O que você levou anos para construir, alguém pode destruir de uma hora para outra. Construa assim mesmo. O bem que você faz hoje pode ser esquecido amanhã. Faça o bem assim mesmo. Dê ao mundo o melhor de você, mas isso pode nunca ser o bastante. Dê o melhor de você assim mesmo. Veja você que, no final das contas, é entre você e Deus. Nunca foi entre você e as outras pessoas.

PARA REFLEXÃO DE QUEM TEIMA EM VIVER NA MENTIRA.


A VERDADE E A PARÁBOLA

(CONTO JUDAICO)



Um dia, a Verdade decidiu visitar os homens, sem roupas e sem adornos, tão nua como seu próprio nome.

E todos que a viam lhe viravam as costas de vergonha ou de medo, e ninguém lhe dava as boas-vindas.

Assim, a Verdade percorria os confins da Terra, criticada, rejeitada e desprezada.

Uma tarde, muito desconsolada e triste, encontrou a Parábola, que passeava alegremente, trajando um belo vestido e muito elegante.

Verdade, por que você está tão abatida? — perguntou a Parábola.

Porque devo ser muito feia e antipática, já que os homens me evitam tanto! — respondeu a amargurada Parábola.

Que disparate! — Sorriu a Parábola. — Não é por isso que os homens evitam você. Tome. Vista algumas das minhas roupas e veja o que acontece.

Então, a Verdade pôs algumas das lindas vestes da Parábola, e, de repente, por toda parte onde passava era bem-vinda e festejada.

*

Os seres humanos não gostam de
encarar a Verdade sem adornos.
Eles preferem-na disfarçada.

QUANDO TEM INTERESSE PÚBLICO NÃO INTERESSA A MOTIVAÇÃO DA DENÚNCIA, MAS O SEU CONTEÚDO.

Por mais que devessemos estar acostumados, especialmente por conta de sucessivos episódios de má gestão em nosso município, ainda ficamos surpresos com a desculpa sempre explicitada por alguns segmentos de nossa sociedade em justificar o desmando, o descaso, a improbidade administrativa, a corrupção, dos mandatários de plantão. Impressiona, novamente, a desfarçatez dos que querem, a todo custo, empurrar para debaixo do tapete a fedentina novamente exalada lá prá bandas dos gabinetes prefeiturais de Boa Viagem, particularmente da Casa de Saúde Adília Maria! Nem inovam em suas desculpas esfarrapadas! Voltam à alienada desculpa de sempre: os que cobram decência no exercício do poder são despeitados; são invejosos; o vereador Setenta é um desqualificado, quer se aproveitar e por aí segue a lastimável atitude anticidadã. Esse filme é muito repetitivo em Boa Viagem. Lamentavelmente. Essa alienação é, no fundo, a grande responsável por esse continuado atraso de nosso município. Felizmente, a grande maioria da população começa a reagir, começa a desvencilhar-se do comodismo, da indiferença. Alvíssaras para os jovens que, agora em número cada vez mais crescente, resolveram acompanhar os acontecimentos e bradarem um basta é esse estado de coisas.
Enfim, não intessa a qualificação do denunciante e tampouco a sua motivação, o que interessa é o conteúdo da denúncia.

JORNALISTA VOLTA A RECONHECER E DESTACAR O TRABALHO DO SECRETÁRIO DEODATO RAMALHO.


Secretário diz estar intensificando fiscalização contra propaganda irregular em Fortaleza




O secretário municipal do Meio Ambiente e Controle Urbano (Semam), Deodato Ramalho, em contato com o Blog, garante que não está “afrouxando” na fiscalização da propaganda irregular que invade cruzamentos da cidade divulgando eventos e shows.


“Estamos, na mediad do possível, intensificando a fiscalização. O problema é que temos a sensação de maior agressão desse tipo de propaganda por conta das muitas festes juninas que ocorrem na cidade. Temos 28 fiscais, o que melhorou muito, pois só tinhamos sete fiscais”, adianta Deodato Ramalho.


VAMOS NÓS – Tudo bem, caro Deodato, conhecemos sua competência e disposição, mas só boa vontade, com apenas 28 fiscais, não resolve.


Categoria(s): Ceará, Cidades por Eliomar de Lima

quarta-feira, 22 de junho de 2011

BOA VIAGEM MEU AMOR COMO TE MALTRATAM!



CE entre os que mais desmatam
Fonte: O POVO Online/OPOVO/Ceará

Ceará destruiu 440,19 km² da Caatinga em 2009. Total fica abaixo de períodos anteriores, mas Estado continua sendo o segundo que mais destrói o bioma. Dos 20 municípios que mais derrubam vegetação, quatro são do Ceará

22.06.2011 01:30

Ceará e Bahia são os estados que mais desmatam a Caatinga, entre os dez monitorados ( ) O Ministério do Meio Ambiente divulgou no último dia 17 dados que apontam para diminuição do ritmo de desmatamento na Caatinga. No Ceará, enquanto se destruiu em média 646,71 km² do bioma, entre 2002 e 2008, foram 440,19 km² devastados em 2009.

Apesar da diminuição, é como se, em um ano, área pouco maior do que os municípios de Fortaleza e Maracanaú juntos tivessem sido destruídos. Em todo o Brasil, foram 1.921 km² de Caatinga destruídos em um ano.

Entre dez estados com ocorrência da Caatinga, o Ceará continua sendo o segundo que mais destruiu o bioma, atrás apenas da Bahia, que devastou 638,35 km² entre 2008 a 2009. No Ceará, ficam quatro dos 20 municípios brasileiros que mais desmataram a Caatinga (veja no mapa abaixo a lista dos dez municípios cearenses que mais destruíram o bioma).

Para a coordenadora do projeto Mata Branca, Maria Tereza Farias, Bahia e Ceará são os que mais desmatam porque são os dois estados com maior área de Caatinga. “Se os outros desmataram tudo, não serve de referência”, avalia. De acordo com ela, o projeto do Governo do Estado já capacitou 1.069 pessoas em projetos de conservação da Caatinga.

Maria Tereza também questiona sobre quanto da perda vegetal registrada pelos satélites é clandestina e quanto é autorizada por manejo de áreas florestais.

O coordenador do Núcleo do Bioma Caatinga do Ministério do Meio Ambiente, João Seyffarth, confirma que os satélites não diferenciam áreas de manejo florestal de áreas desmatadas. “Existem muito poucos planos de manejo aprovados na Caatinga e isso representará pouco no quantitativo total”, defende.

Carvão, lenha e pasto

Na avaliação do presidente da Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetraece), Moisés Braz, tem havido maior conscientização por parte dos agricultores, mas ainda há derrubada. “Principalmente nos últimos três anos a gente tem identificado maior preservação. As queimadas diminuíram muito”, pontua. Para ele, porém, os grandes responsáveis pela destruição da Caatinga são as empresas carvoeiras e de retirada de lenha.

O prefeito de Boa Viagem, Fernando Assef, diz que a queima da vegetação para criação de gado é a principal causa dos desmatamentos na região do município. “Falta uma presença maior do governo federal e estadual. Do jeito que está o problema sério”, resume.


ENTENDA A NOTÍCIA




O ritmo de destruição diminuiu de forma tímida: de 0,28% ao ano entre 2002 e 2008 para 0,23% em 2009. Apesar disso, sobram apenas 53,4% da Caatinga, que abrange áreas dos nove estados nordestinos e Minas Gerais.

Thiago Mendes
thiagomendes@opovo.com.br

terça-feira, 21 de junho de 2011

CASO SEJAM COMPROVADAS AS DENÚNCIAS QUE PAGUEM PELOS CRIMES E OS FILIADOS AO PT QUE SEJAM EXPULSOS.

Justiça decreta prisão preventiva de prefeito e gestores de Senador Pompeu
Fonte: O POVO Online/Politica

De acordo com MP, eles cometeram desvio de recursos públicos, pagamentos indevidos, emissão de cheques para pagamentos de empresas não idôneas que fornecem notas fiscais frias e outras "condutas criminosas"

21.06.2011 15:47 - O POVO.

O Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) decretou a prisão preventiva e o afastamento do prefeito de Senador Pompeu, Antônio Teixeira de Oliveira, do vice-prefeito, Luís Flávio Mendes de Carvalho, e do vice-presidente da Câmara Municipal, vereador Tárcido Francisco de Lima Baia.

Foram 31 mandados assinados nesta terça-feira, 21, envolvendo ainda secretários, engenheiros e empresários, entre outros. O decreto foi determinado pelo desembargador Francisco Darival Beserra Primo

De acordo com a denúncia e a representação criminal feitas pelo Ministério Público (MP) do Ceará, eles cometeram, no exercício de 2008, desvio de recursos públicos, pagamentos indevidos, emissão de cheques para pagamentos de empresas não idôneas que fornecem notas fiscais frias e outras "condutas criminosas", causando "dano de grande monta ao erário municipal".


Empresas envolvidas em licitações


Ainda conforme o MP, as fraudes tinham início quando a Prefeitura Municipal lançava edital de licitação para a realização de obras públicas. As empresas Falcon Construtora e Serviços Ltda., Pratika Incorporações Ltda. e Daruma Construções e Empreendimentos Ltda., pronta e reiteradamente, "se alternavam como vencedoras dos certames e, assim, das contratações".

Segundo a denúncia, além de fraude no caráter público e impessoal das licitações, havia "o patente descumprimento ou inobservância de uma série de requisitos obrigatórios e legais". O Ministério Público assegurou que "as empresas são constituídas por sócios com vínculos familiares e de subordinação entre si, integrando verdadeira organização criminosa".

Garantiu que o esquema criminoso agiu da mesma forma em mais de 50 municípios cearenses, "perpetrando, em tese, crimes de formação de quadrilha, peculato, lavagem de dinheiro, falsidade ideológica e fraudes em procedimentos licitatórios, o que rendeu para os envolvidos, apenas nos anos de 2008 e 2009, contratos que envolvem a quantia superior a trinta milhões de reais, conforme dados do Sistema de Informações Municipais do Tribunal de Contas dos Municípios".

Veja lista dos denunciados pelo Ministério Público:

1. Antônio Teixeira de Oliveira (prefeito – além de suposta participação dos crimes contra o erário municipal, também figuraria como beneficiário dos desvios de recursos públicos)
2. Raimundo Morais Filho (dono da Falcon Construtora – suposto articulador e idealizador do sistema de empresas familiares, chefiaria o "Esquema Família Morais")
3. Francisco Monte Morais (proprietário da Pratika Incorporações)
4. Rodrigo Coelho Mota (sócio da Falcon Construtora)
5. Andreza de Abreu Sampaio Coelho Mota (dona da Daruma Construções e Empreendimentos)
6. Claudiana Barbosa de Almeida (forte vínculo)
7. Rodrigo Barbosa Menezes (forte vínculo)
8. José Roberto Leandro dos Santos (forte vínculo)
9. Anisiane Dantas de Oliveira (forte vínculo)
10. Eduardo Teixeira Soares Lima (engenheiro)
11. Luís Flávio Mendes de Carvalho (vice-prefeito)
12. José Felismino Sousa Neto (radialista – receberia dinheiro público por meio de contratos com o município. A função dele seria fazer apologia ao prefeito e aos secretários)
13. Tárcido Francisco de Lima Baia (então secretário de Obras e Urbanismo. Atual vice-presidente da Câmara)
14. Miguel Alves de Almeida (ora secretário de Obras e Urbanismo, ora secretário de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente)
15. José Dalvanir Bezerra de Almeida (tesoureiro)
16. Tarcísio de Souza Cavalcante (secretário de Obras)
17. Antônia Erenita Teixeira de Oliveira (irmã do prefeito)
18. Elmo Roberto Belchior Aguiar (engenheiro)
19. Luzia Lucélia Saraiva Ribeiro
20. Lígia Gardênia Magalhães de Brito (secretária de Finanças)
21. Maria Lindalva de Oliveira Aguiar (secretária de Ação Social)
22. Francisco Adriano Costa Sousa (secretário de Turismo, Cultura, Juventude e Transporte)
23. Francisco Morais e Silva Filho (engenheiro da Daruma e tio de Francisco Monte Morais)
24. Aila Maria Jorge Holanda (membro da Comissão de Licitação)
25. Paulo Antônio Nogueira Júnior (membro da Comissão de Licitação)
26. Antônio Marcos Holanda Néri (membro da Comissão de Licitação)
27. José Cristiano Vitoriano Costa (membro da Comissão de Licitação)
28. Robério Barbosa Lima (assessor jurídico da Prefeitura)
29. Antônio Clodoaldo Batista da Cruz (engenheiro)
30. Raimundo Nonato Cordeiro Moreira (engenheiro)
31. Luana Silva Braga (forte vínculo)

segunda-feira, 20 de junho de 2011

A BEM DA VERDADE. SERIA INTERESSANTE FAZER O COMPARATIVO COM TODOS OS OUTROS MUNICÍPIOS DO BRASIL.

Prefeitura de Fortaleza avança na implantação da Lei do Piso nº 11.738/08

Data Base

Fica estabelecido de janeiro como data base da categoria.

Valor do Piso

Nenhum professor com 200 horas, que está em sala de aula, ganha menos que:

R$ 1.635,83, em nível médio.

R$ 1.942,69, como graduado.

R$ 2.423,89, com título de especialista.

R$ 2.921,29, com mestrado.

R$ 3.464,20, com doutorado.

Jornada de Trabalho

A jornada de trabalho fica reduzida de 240 horas para 200 horas, sem alteração salarial. Será criada uma comissão com representantes da categoria de professores, Secretaria Municipal de Educação e Comissão de Educação da Câmara para a garantia de 1/3 da jornada de 200 horas para atividades de planejamento, já assegurado 1/5 a partir de 2012.

Progressão Horizontal (Estágio de Carreira)

Fica assegurada a variação horizontal com os seguintes percentuais:

21,13% entre o médio e graduado;

24,77% de graduado para especialista;

20,52% de especialista para mestre e

16,26% de mestrado para doutorado.

Progressão Vertical

A Progressão por qualificação (2%) será realizada em agosto de 2011.

A Progressão por tempo de serviço (2%) será realizada em outubro de 2011.

Setorial de Educação do PT

domingo, 19 de junho de 2011

Lula: blogueiros, vocês são os caras!




Lula: “Vocês (blogueiros) evitaram que a sociedade brasileira fosse manipulada como durante muito tempo foi. Vocês evitaram que os chamados falsos formadores de opinião pública que, às vezes, não convencem nem quem está em casa assistindo, ditassem regras. Nunca me preocupei com crítica se ela for verdadeira, me preocupo com inverdades, má-fé, más informações, como aquela pedra, aquele meteorito de papel que bateu na cabeça de um candidato no ano passado”.

Disse com propriedade, como personagem dos mais relevantes da história recente do Brasil, desde o fim da ditadura militar, passando pela redemocratização até a consolidação do Novo Brasil que entregou a Dilma. Lula sabe o que fala sobre o que a mídia foi capaz de fazer para prevalecer seus interesses e "empurrar goela abaixo" para a grande maioria seu pensamento.

Validaram a ditadura e todos os seus aspectos mais cruéis, como a tortura e o assassinato de seus combatentes, em idéias e em armas.

Elegeram um presidente no final dos anos 1980 que quase devastou o país para que Lula não chegasse ao poder.


Tentaram destruir a imagem de um governador de estado, Leonel Brizola, para tentarem evitar aquilo que acabou ocorrendo anos mais tarde: a ascenção de um governante identificado com as aspirações da grande maioria da população.

Apesar da massa uniforme que age fortemente para formar uma opinião condensada e superficial sobre tudo e impor seus pontos de vista, Lula quase que disse a blogosfera progressista, sobre o seu papel recente no ofício de informar e oferecer outro ponto de vista nos dias atuais: Vocês são os caras!

Ou em outras palavras:

"Vocês são uma alternativa, uma possibilidade que a sociedade participe que não fique refém desse ou daquele formador de opinião pública, ela pode ouvir, escutar ou ler, mas também pode falar".

quinta-feira, 16 de junho de 2011

TAMBÉM ESTAREI LÁ...A LIBERDADE E A CANUDOS ESTARÃO LÁ!


Confirmadíssimo: Lula vai estar na abertura do II Blogprog

Acabo de confirmar com a assessoria do presidente Lula sua ida à abertura do II Encontro Nacional dos Blogueiros Progressistas (Blogprog) que acontece no próximo fim de semana, em Brasília.

Lula vai para a abertura, na sexta, às 19h.

O primeiro convite a Lula para participar do II Encontro foi feito ainda na entrevista que ele concedeu à blogosfera no Palácio do Planalto. Na ocasião, o presidente sinalizou que iria e ainda nos disse que quando desencarnasse voltaria a dar uma entrevista mais contundente para os blogueiros (precisamos agendá-la, presidente). Nessa entrevista, entre outras coisas, contaria bastidores do caso que ficou conhecido como o do mensalão.

A negociação para a ida de Lula ao II Blogprog acontece há mais de dois meses. Durante todo o tempo, tanto Lula como sua equipe no Instituto de Cidadania indicaram a participação, mas como agenda de ex-presidente bem-sucedido no cargo é algo concorrido, havia um zelo para que não se antecipasse a confirmação antes dos últimos dias.

Neste percurso, recorri a várias pessoas para que o assunto não esfriasse. Uma delas foi o meu amigo Ênio, que no Blogprog Paulista, me revelou que teria uma agenda com o ex-presidente.

Ênio é o maquinista do blog o PTremdastreze. E o mantém com muita energia apesar de ter uma doença crônica que o faz perder a força nos músculos e que o levou há dois anos a necessitar de uma cadeira de rodas.

Como Ênio também batalhou por esta presença de Lula no evento, sugeri ontem à comissão organizadora que ele seja um dos blogueiros na mesa com o presidente. A comissão topou.

A presença de Ênio ali ao lado de Lula na abertura vai transformar este II Blogprog num evento ainda mais especial e histórico.

As inscrições ainda estão abertas . E se não vierem a ser prorrogadas, se encerram na segunda. Ou seja, corra.

Fonte: Renato Rovai

http://www.baraodeitarare.org.br/noticias/confirmadissimo-lula-vai-estar-na-abertura-do-ii-blogprog.html


Leia mais no Blog da Dilma: BLOG DA DILMA: Confirmadíssimo: Lula vai estar na abertura do II Blogprog

terça-feira, 14 de junho de 2011

LEMBRAR SEMPRE, PARA NÃO REPETIR JAMAIS!

Encontrada menina da foto que virou símbolo de desgaste da ditadura







Belo Horizonte, setembro de 1979. O general João Baptista Figueiredo – último presidente do regime militar – fazia uma viagem com cara de campanha.


Tomou cafezinho em um bar no centro, fez discurso. Estava tudo indo conforme o planejado até que uma menina de apenas cinco anos surpreendeu o presidente-general. Ela rejeitou o cumprimento do general.

A foto imediatamente virou símbolo da luta contra a ditadura. Foi publicada em vários jornais e revistas, no Brasil e no exterior.

“Aquilo ali lavou a alma da nação. Pra nós soou como uma vingança nacional”.

“É a magia da criança. Se fosse um adulto não teria, nunca teria o mesmo valor”, diz o ex-secretário nacional de Direitos Humanos, Nilmário Miranda

Foi a foto mais famosa do fotógrafo Guinaldo Nicolaevsky. Mas ele morreu em 2008 sem conhecer a garota. “Ele ficou um pouco frustrado de não ter conhecido a garota. Saber quem era ela, como ela estava”, diz a viúva de Guinaldo, Sílvia Nicolaevsky.

Os amigos também tentaram encontrar a menina. Fizeram até campanha em blogs na internet meses antes da morte de Guinaldo.

“Minha ideia era mais fazer uma homenagem ao Guinaldo. Pela carreira brilhante que ele teve”, diz o fotografo Ricardo Medeiros.

A iniciativa virou notícia e reascendeu a curiosidade em torno da foto. A foto foi feita no Palácio da Liberdade em Belo Horizonte e 32 anos depois, nós voltamos ao local porque o Jornal da Globo localizou a garota da foto.

Rachel Clemens cresceu em Belo Horizonte, se formou em comércio exterior, fez pós-graduação no Instituto Tecnológico da Aeronáutica e morou e trabalhou em vários países, teve uma filha de nome Clara, que hoje está com 13 anos, e nunca teria descoberto essa história toda se não fosse por um email

“Minha mãe recebeu um powerpoint das 100 fotos que marcaram o século. Eu sempre tive curiosidade de ver essa foto. Dei um Google aí que eu vi que estavam me procurando tem um tempão, não tinha a menor ideia”, conta.

Perguntada sobre como ela se encontrou com o general Figueiredo, Rachel lembra que, na noite anterior, o pai dela comentou no jantar que iria almoçar com o presidente.

“Aí acordei no outro dia de manhã: mãe, eu quero falar com o presidente”. Ela insistiu tanto que a mãe a levou ao Palácio da Liberdade. Quando ela chegou lá:

“Virei pra ele: você sabia que você vai almoçar com meu pai hoje? Aí todo mundo ficava assim: dá a mão pra ele, dá a mão pra ele. Eu detestei. Detesto que me mandem fazer as coisas. Não dei a mão porque eu não queria dar a mão pra ele, eu queria dar um recado pra ele”.

Depois do encontro, Rachel foi correndo para a escola e o que ficou foi a imagem da menina que recusou a mão do general-presidente. Para quem admira a foto desde aquela época, a história de Rachel não diminui a importância da imagem.

“Ela pode dizer que não era nada disso. A imagem é muito mais significativa de um momento político que o Brasil vivia”, fala o cineasta Silvio Tendler.
http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com/


Leia mais no Blog da Dilma: BLOG DA DILMA

domingo, 12 de junho de 2011

DESMASCARANDO A HIPOCRISIA E ARROGÂNCIA DO BUFÃO ITALIANO E DAS GRANDES POTÊNCIAS.


Reafirmação da soberania

11.06.2011| 17:00 - O POVO.


A maioria do STF deixou claro que a extradição é um ato político de natureza soberana. Por causa disso, o presidente da República (que é quem encarna a soberania) deve ter a última palavra sobre o assunto (como sempre foi defendido nesta Coluna). No caso da extradição de Cesare Battisti, decidiu-se que o presidente Lula deveria balizar-se pelo Tratado com a Itália, e ele o fez. Os inconformados não aceitam que o chefe de Estado tenha a prerrogativa constitucional de usar seu poder discricionário nesse caso, formando seu juízo a partir das informações privilegiadas de que dispõe (sobretudo dos órgãos de inteligência e dos canais diplomáticos) sobre as condições que o extraditando pode encontrar no país solicitante, se for entregue. Informou-se e não gostou do que lhe disseram. Aí, negou o pedido citando a cláusula do Tratado que justifica a negativa. No caso, o artigo 3º. item f, que lhe faculta alegar razões ponderáveis para “supor” os tipos de constrangimentos a que o extraditando enfrentaria. Decisão tomada, a Corte de Haia, não pode julgar o caso sem a concordância prévia do Brasil para isso – dizem os especialistas.

IN DUBIO...

Ao invés de buscar a conciliação nacional, através de uma anistia, há muito cobrada pelas forças políticas democráticas, o governo de Berlusconi vive mergulhado numa busca insana de vingança, criando bodes expiatórios como forma de conter seu desprestígio político, decorrente de escândalos vergonhosos. Depois de passados 30 anos (!) abriu temporada de caça a ex-militantes da luta armada na Itália, acolhidos pelo governo François Mitterrand (foto) depois de renunciarem à luta armada. Battisti já vivia há 14 anos, na França, depois de fugir, em 1981, da prisão onde cumpria pena pelo que realmente praticou (participação em grupo armado, assalto e receptação de armas). Nada de homicídios. Doze anos depois, em 1993, foi surpreendido com a condenação à prisão perpétua, - à revelia - após seus ex-companheiros aceitaram fazer “delação premiada” para ter reduzidas as próprias penas, atribuindo a ele (que estava no Exterior) os crimes que eles mesmos haviam cometido. Pesquisadores sérios afirmam que ele é inocente. In dubio pro reo. (Na dúvida, favoreça-se o réu). Foi o que fez o Brasil.

GATO ESCALDADO

Depois da vergonhosa intervenção da Otan, na Líbia, descumprindo tudo o que havia sido combinado (já se somam mais de 15 mil mortos) quando recebeu o mandato da ONU (que era apenas patrulhar os céus do país), chega a vez das mesmas potências pressionarem o Brasil a apoiar novo mandato, desta vez contra a Síria. Se o Brasil já não caiu nessa conversa, na primeira vez, agora é que não o fará mesmo. Claro, a posição do governo repressor da Síria é intolerável, mas há outros meios, além da recorrência à força das armas estrangeiras, para ajudar o povo sírio a se libertar da tirania. “A última coisa de que gostaríamos é contribuir para exacerbar as tensões no que pode ser considerada uma das regiões mais tensas de todo o mundo” retrucou cautelosamente o chanceler brasileiro, Antonio Patriota. Resta saber quando irão “libertar” a Arábia Saudita. A esse respeito não dão um pio. Por quê, hem?

Valdemar Menezes
opiniao@opovo.com.br