quinta-feira, 4 de novembro de 2010

A VERSÃO BOLSA-FAMÍLIA NOS ESTADOS UNIDOS...AHAHAH O QUE DIZ A DIREITONA RAIVOSA?

4 de novembro de 2010 às 17:42
WSJ: 42.389.619 de americanos dependem do Bolsa Família para comer
November 4, 2010, 2:47 PM ET
In U.S., 14% Rely on Food Stamps By Sara Murray, naquele "jornal comunista", o Wall Street Journal

Um grande número de domicílios americanos ainda depende da assistência do governo para comprar comida, no momento em que a recessão continua a castigar famílias.
O número dos que recebem o cupom de comida [food stamps, a versão americana do Bolsa Família] cresceu em agosto, as crianças tiveram acesso a milhões de almoços gratuitos e quase cinco milhões de mães de baixa renda pediram ajuda ao programa de nutrição governamental para mulheres e crianças.
Foram 42.389.619 os americanos que receberam food stamps em agosto, um aumento de 17% em relação a um ano atrás, de acordo com o Departamento de Agricultura, que acompanha as estatísticas.
O número cresceu 58,5% desde agosto de 2007, antes do início da recessão.
Em números proporcionais, Washington DC [a capital dos Estados Unidos] tem o maior número de residentes recebendo food stamps: mais de um quinto, 21,1%, coletaram assistência em agosto. Washington foi seguida pelo Mississipi, onde 20,1% dos moradores receberam food stamps, e pelo Tennessee, onde 20% dos residentes buscaram ajuda do programa de nutrição.
Idaho teve o maior aumento no número de recipientes no ano passado. O número de pessoas que receberam food stamps no estado subiu 38,8%, mas o número absoluto ainda é pequeno. Apenas 211.883 residentes de Idaho coletaram os cupons em agosto.
O benefício nacional médio por pessoa foi de 133 dólares e 90 centavos em agosto. Por domicílio, foi de 287 dólares e 82 centavos.
Os cupons se tornaram um refúgio para os trabalhadores que perderam emprego, particularmente entre os estadunidenses que já exauriram os benefícios do seguro-desemprego. Filas nos supermercados à meia-noite do primeiro dia do mês demonstram que, em muitos casos, o benefício não está cobrindo a necessidade das famílias e elas correm antes da chegada do próximo cheque.
Mesmo durante as férias de verão as crianças retornaram às escolas para tirar proveito da merenda, onde ela estava disponível. Cerca de 195 milhões de almoços foram servidos em agosto e 58,9% deles foram de graça. Outros 8,4% foram a preço reduzido. Este número vai aumentar quando os dados do outono forem divulgados já que as crianças estarão de volta às escolas. Em setembro passado, por exemplo, mais de 590 milhões de almoços foram servidos, quase 64% de graça ou com preço reduzido.
Crianças cujas famílias tem renda igual ou até 130% acima da linha da pobreza — 28 mil e 665 dólares por ano para uma família de quatro pessoas — podem ter acesso a almoços gratuitos. As famílias que tem renda entre 130% a 185% acima da linha da pobreza — 40 mil e 793 dólares para uma família de quatro — podem receber refeições a preço reduzido, não mais que 40 centavos de dólar de desconto.



Ps do Viomundo: Texto dedicado àqueles que acham chique os programas sociais na França, na Alemanha e nos Estados Unidos, mas tem “horror!” dos programas sociais brasileiros.

9 comentários:

Prof Alfredo Carlos ! disse...

Colegas blogueiros,

Não me espanto com as declarações dessa moça estudante de Direito. Ela perdeu as eleições, o candidato dela, Serra, vai ficar por um grande período curtindo o amargo sabor da derrota. Aqui bem pertinho de nós, tem amigos e amigas que pensam dessa forma, é uma forma de se vingar com declarações que envergonham a todos. Na Alemanha de Hitler também era assim, quem era contra, ou ia embora ou morriam. Hitler matou e mandou matar milhões de homens brancos, mulatos, mestiços, ciganos e judeus. Tudo isso por uma hegemonia ariana que ele pregava e não teve êxitos. Hitler morreu com uma bala na cabeça, disparada por ele próprio. Essa moça representa uma classe, representa um lado, ela não quer ver o Brasil de Lula e Dilma crescer tanto assim, não aceita ver um nordestino empregado, trabalhando e dirigindo o seu próprio carro. É muito duro gente, ela deve sofrer muito, precisamos que pessoas como ela existam, temos que conviver com o perigo, enxergá-lo e depois derrotá-lo. Essa moça ainda vai sofrer muito, queremos ela viva, muito viva, afinal, a vitória tem um doce sabor.

Anônimo disse...

OTIMA MEDIDA DE SEGURANÇA PARA O ESTADO DO CEARÁ .!!!!!!!!!!!!

Viaturas do Ronda só podem dirigir até 50 km/h.

50 km/h. Essa é a velocidade máxima a ser seguida por todas as viaturas do programa Ronda do Quarteirão em área urbana, de acordo com a recente decisão do Batalhão de Policiamento Comunitário (BPCom).

A norma vale, inclusive, para perseguições policiais e atendimentos de ocorrências.

PM do Ronda ironiza medida

A medida é criticada por soldados do Ronda. Um deles, identidade preservada, ironizou: "quando um cidadão vir reclamar minha demora, terei a dignidade de respondê-lo: 'sr. cidadão aflito, desculpe-me a demora, é que além do trânsito caótico, tenho que me limitar a uma velocidade de 50km/h'".






Essa foi boa, agora sabemos mais do que nunca que a segurança no ceará não vamos ter nunca. Os marginais devem estar comemorando essa decisão. Parabéns Cid é só mais uma rata que vc dá, porque segurança que é bom nada....


Grade Gov.CID'loca

Amâncio José disse...

Serra recebe um "cala a boca" (pito) em palestra na França.

Serra critica governo Lula e é interrompido por manifestante em palestra na França.

Serra também comentou as ações brasileiras na política externa. Ele acusou o país de se "unir a ditaduras como o Irã". Nesse momento, o tucano foi interrompido por um membro da Fundação Zapata, do México, que gritou "por que não te calas?", provocando um alvoroço na sala.

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/poder/826195-serra-critica-governo-lula-e-e-interrompido-por-manifestante-em-palestra-na-franca.shtml

Anônimo disse...

É muito fácil criar empregos, bastaria fiscalizar quem está irregularmente no serviço público e colocar prá fora.

Deodato Ramalho disse...

Concordo com o comentário do anônimo aí de cima. Essa determinação de limitar a velocidade dos veículos do Ronda a 50 km, se não for flexível, é de uma estupidez atroz. De fato, poder-se-ia até entender esse limite de 50 km numa situação de normalidade, mas jamais em uma situação de atendimento de um chamado ou de uma perseguição. Custo a acreditar que esse limite vale prá todas as situações, como menciona o blogueiro. Vou procurar mais informações para checar se isso é mesmo. Se for, vou me somar aos que protestarão contra essa decisão.

Anônimo disse...

Quantas pessoas recebem da prefeitura de Boa viagem sem trabalhar?

Anônimo disse...

Eu não acredito que o babão do Júnior Gato tenha saido, com certeza ele vai receber por debaixo dos panos como Jõao Carneiro, Lucas Vieira, Ana Jarvis(Priscila) e cia.

Anônimo disse...

Aos intelectuais escritoras e senhores da razão desta cidade, respondam-me quem é o pior :
1 – José Roberto Arruda
2 – José Sarney
3 – Severino Cavalcanti
4 - fernando das placas
5 – Jader Barbalho … ou então outros nobres parlamentares da Câmara da mesma estirpe que os citados ?
QUE VENHA O TIRIRICA “pior do que tá, num fica” .

Anônimo disse...

Abraham Lincoln, presidente dos EUA, também era analfabeto. Trabalhava cortando lenha até que foi demitido e passou a estudar. Estudou com perseverança e trabalhou até conseguir chegar à presidência. Para Tiririca então a mesma sorte, espero.

O que um diploma na mão de muitos políticos nos trouxe/traz de benefício para Boa Viagem?

Conhecimento demais envenena tanto quanto conhecimento de menos.

Queria ver a câmara municipal cheia de palhaços engraçados para que fosse diluída a melevolência daquela casa.

O estudo alimenta a alma, abre o raciocínio.
Empregá-lo para o bem ou para o mal depende da índole de cada um.